A RESTAURAÇÃO DA INDEPENDÊNCIA NACIONAL

No passado dia 28 de novembro, no âmbito dos Domínios de Autonomia Curricular (DAC) foi comemorada a Restauração da Independência Nacional. Houve um bom trabalho interdisciplinar e de articulação entre as disciplinas de História e Português no 8º C e contou com a colaboração da Banda Filarmónica de Figueiró dos Vinhos, da professora responsável de Físico-Química e dos alunos do 8º B.
Recuou-se no tempo, até 1 de dezembro de 1640, há 379 anos, e os alunos do 8º C recriaram o golpe palaciano que pôs fim à União Ibérica e à Dinastia Filipina. Nesse dia, um conjunto de nobres entregou o trono de Portugal ao Duque de Bragança, D. João, recusando a soberania da Coroa espanhola e assumindo a independência de Portugal.
De seguida, a Banda Filarmónica tocou o Hino da Restauração, uma marcha e o Hino Nacional, que foi cantado pelos alunos do 8ªB e restantes elementos da comunidade educativa, que assistiram à homenagem do referido acontecimento histórico.
A Restauração da Independência deixou pegadas na memória dos acontecimentos que não se apagaram, pois representa a nossa identidade, independência e liberdade.
Terminados os festejos, foi o momento de agradecer a todos os que se envolveram entusiasticamente com as atividades.
Muito obrigada a todos os participantes e esperamos por uma próxima comemoração guardada na memória coletiva dos portugueses!
Manuela Carvalho